Brazilian Journal of Otorhinolaryngology Brazilian Journal of Otorhinolaryngology
Braz J Otorhinolaryngol 2017;83:155-61 DOI: 10.1016/j.bjorlp.2017.01.004
Artigo Original
Specific immediate early gene expression induced by high doses of salicylate in the cochlear nucleus and inferior colliculus of the rat
Expressão específica de genes precoces imediatos induzida por doses elevadas de salicilato no núcleo coclear e colículo inferior de rato
Paula Santosa,b, Lilian Eslaine Costa Mendes da Silvaa, Ricardo Maurício Leãob,,
a Universidade de São Paulo (USP), Escola de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP), Departamento de Oftalmologia e Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Ribeirão Preto, SP, Brasil
b Universidade de São Paulo (USP), Escola de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP), Departamento de Fisiologia, Ribeirão Preto, SP, Brasil
Recebido 29 Abril 2015, Aceitaram 16 Fevereiro 2016
Abstract
Introduction

Salicylate at high doses induces tinnitus in humans and experimental animals. However, the mechanisms and loci of action of salicylate in inducing tinnitus are still not well known. The expression of Immediate Early Genes (IEG) is traditionally associated with long‐term neuronal modifications but it is still not clear how and where IEGs are activated in animal models of tinnitus.

Objectives

Here we investigated the expression of c‐fos and Egr‐1, two IEGs, in the Dorsal Cochlear Nucleus (DCN), the Inferior Colliculus (IC), and the Posterior Ventral Cochlear Nucleus (pVCN) of rats.

Methods

Rats were treated with doses known to induce tinnitus in rats (300mg/kg i.p. daily, for 3 days), and c‐fos and Egr‐1 protein expressions were analyzed using western blot and immunocytochemistry.

Results

After administration of salicylate, c‐fos protein expression increased significantly in the DCN, pVCN and IC when assayed by western blot. Immunohistochemistry staining showed a more intense labeling of c‐fos in the DCN, pVCN and IC and a significant increase in c‐fos positive nuclei in the pVCN and IC. We did not detect increased Egr‐1 expression in any of these areas.

Conclusion

Our data show that a high dose of salicylate activates neurons in the DCN, pVCN and IC. The expression of these genes by high doses of salicylate strongly suggests that plastic changes in these areas are involved in the genesis of tinnitus.

Resumo
Introdução

Salicilato em doses elevadas induz zumbido nos seres humanos e em animais experimentais. No entanto, os mecanismos e loci de ação do salicilato na indução de zumbido ainda não são bem conhecidos. A expressão dos genes precoces imediatos (GPIs) está tradicionalmente associada a alterações neuronais em longo prazo, mas ainda não está claro como e onde os GPIs são ativados em modelos animais de zumbido.

Objetivos

No presente estudo investigamos a expressão de c‐fos e Egr‐1, dois GPIs, no núcleo coclear dorsal (NCD), colículo inferior (CI) e núcleo coclear ventral posterior (NCVp) de ratos.

Métodos

Os ratos foram tratados com doses que, conhecidamente, induzem zumbido em ratos (300mg/kg IP/dia, por três dias) e as expressões das proteínas c‐fos e Egr‐1 foram analisadas por meio de Western blot e imunoistoquímica.

Resultados

Após a administração de salicilato, a expressão da proteína c‐fos aumentou significativamente no NCD, NCVp e CI, quando analisados por Western blot. A coloração imunoistoquímica mostrou uma marcação mais intensa de c‐fos no NCD, NCVp e CI e um aumento significativo de núcleos positivos de c‐fos no NCVp e CI. Não detectamos aumento da expressão de Egr‐1 em qualquer dessas áreas.

Conclusão

Nossos dados mostram que uma dose alta de salicilato ativa neurônios no NCD, NCVp e CI. A expressão desses genes por doses altas de salicilato sugere que as alterações plásticas nessas áreas estão envolvidas na gênese do zumbido.

Keywords
Salicylate, Tinnitus, Cochlear nucleus, Inferior colliculus
Palavras‐chave
Salicilato, Zumbido, Núcleo coclear, Colículo inferior
Braz J Otorhinolaryngol 2017;83:155-61 DOI: 10.1016/j.bjorlp.2017.01.004