Brazilian Journal of Otorhinolaryngology Brazilian Journal of Otorhinolaryngology
Braz J Otorhinolaryngol 2017;83:23-8 DOI: 10.1016/j.bjorlp.2016.11.005
Artigo original
Clinical outcome and patient satisfaction using biodegradable (NasoPore) and non‐biodegradable packing, a double‐blind, prospective, randomized study
Desfecho clínico e satisfação do paciente com o uso de tampão biodegradável (NasoPore) e não biodegradável: estudo prospectivo, duplo‐cego e randomizado
Pawel Krzysztof Burduka,, , Malgorzata Wierzchowskaa, Blazej Grześkowiakb, Wojciech Kaźmierczakc, Katarzyna Wawrzyniakd
a Nicolaus Copernicus University, Faculty of Medicine, Otolaryngology and Laryngological Oncology Collegium Medicum, Toruń, Polônia
b University Hospital, Department of Otolaryngology and Laryngological Oncology, Bydgoszcz, Polônia
c Nicolaus Copernicus University, Faculty of Medicine, Department of Pathophysiology of Hearing and Balance System, Toruń, Polônia
d Nicolaus Copernicus University, Faculty of Medicine, Department of Anesthesiology and Intensive Therapy Collegium Medicum, Toruń, Polônia
Recebido 15 Maio 2015, Aceitaram 04 Janeiro 2016
Resumo
Introdução

O tamponamento nasal após cirurgia sinusal endoscópica é procedimento de rotina. A solução ideal para minimizar ou eliminar as desvantagens desse procedimento pode ser alcançada com o uso de tampões biodegradáveis.

Objetivo

Comparar a satisfação do paciente e o desfecho clínico associados ao uso de tampões absorvíveis e não absorvíveis após a cirurgia funcional dos seios paranasais (FESSFunctional Endoscopic Sinus Surgery).

Método

Foram incluídos 50 pacientes neste estudo prospectivo, duplo‐cego e randomizado. Um dos lados foi tamponado com espuma de poliuretano, enquanto no outro lado foi feito um tamponamento com gaze. Nos 2°, 10° e 30° dias após a operação, os pacientes foram perguntados com a ajuda de uma escala analógica visual. Foram empregados questionários padronizados para sangramento, respiração nasal, sensação de pressão e cefaleia. A presença de sinequias, infecção ou granulação foi registrada por videoendoscopia.

Resultados

Foi observada diferença significante, da sensação de pressão, menor no lado tratado com NasoPore vs. controles no 10° dia após a cirurgia. O tamponamento com NasoPore obteve escores mais baixos com respeito ao bloqueio nasal pós‐operatório no 2° e 10° dias. A cicatrização da mucosa foi melhor no lado do NasoPore, mas no 10° e 30° dias os resultados foram comparáveis com os do lado de controle.

Conclusão

O conforto geral do paciente é maior com o uso de NasoPore vs. tamponamento tradicional com gaze besuntada não reabsorvível. O uso vigoroso de jatos de solução salina aplicados 3‐4 vezes ao dia é um procedimento obrigatório após a cirurgia, para evitar a formação de sinequias e para uma absorção natural do tampão.

Abstract
Introduction

Nasal packing after endoscopic sinus surgery is used as a standard procedure. The optimum solution to minimize or eliminate all disadvantages of this procedure may be accomplished using biodegradable packs.

Objective

The aim of this study was to compare patient satisfaction and clinical outcome associated with absorbable and non‐absorbable packing after FESS.

Methods

In total, 50 patients were included in a prospective, double‐blind, randomized trial. One side was packed with polyurethane foam, while the opposite side was packed with gauze packing. On the 2nd, 10th, and 30th postoperative day, the patients were questioned with the aid of a visual analog scale. The standardized questionnaires for bleeding, nasal breathing, feeling of pressure, and headache were used. The presence of synechiae, infection, or granulation was noted and recorded with the video‐endoscopy.

Results

A significant difference according to lower pressure was found in the NasoPore group compared to the controls on day ten after surgery. The NasoPore packing had lower scores with respect to postoperative nose blockage on the 2nd and 10th days. Mucosal healing was better for the NasoPore group, both at day ten and 30 compared with the control group.

Conclusion

The overall patient comfort is higher when using NasoPore compared to non‐resorbable traditional impregnated gauze packing. Intensive saline douches applied three to four times per day are mandatory after the operation to prevent synechiae formation and fluid resorption by the packing.

Keywords
FESS surgery, Biodegradable packing, Patient satisfaction, Mucosal healing, Follow‐up
Palavras‐chave
Cirurgia FESS, Tampão biodegradável, Satisfação do paciente, Cicatrização da mucosa, Seguimento
Braz J Otorhinolaryngol 2017;83:23-8 DOI: 10.1016/j.bjorlp.2016.11.005